Crescimento pessoal

24/10/2013 07h59

Meditação: acalmando a mente, relaxando o corpo

Pesquisas científicas comprovam que a meditação combate doenças físicas e mentais e melhora a qualidade de vida

Por Nosso Bem Estar

RICARDO BARRADAS/FLICKR/DIVULGAÇÃO/NBE
005 ricardobarradas flickr nbe

Prática diária traz resultado em algumas semanas

Associada, muitas vezes, a práticas religiosas, a meditação é uma atividade de múltiplos benefícios, dentre eles o relaxamento muscular e o desenvolvimento mental. Na verdade, existem várias técnicas de meditação e elas produzem efeitos diversos na mente e no corpo. Vários estudos científicos já comprovaram que a meditação é eficaz contra diversos males, além de ser muito fácil realizá-la no dia a dia. Na meditação não é necessário esforço físico, somente uma disciplina inicialmente.

A meta da meditação é “esvaziar” a mente focando um objetivo (respiração, mantra ou objeto), interrompendo o fluxo contínuo e vicioso da mente. Ela pode durar de 15 a 20 minutos, de olhos fechados, em um lugar tranquilo, com a ajuda de um mantra ou não. Ela leva a mente a um estado capaz de alcançar as camadas mais sutis do pensamento até se aquietar, e o resultado imediato é um repouso muito profundo.

Há centenas de pesquisas científicas em todo o mundo comprovando que com a meditação ocorre uma redução momentânea da atividade mental, dando condições para que a mente e a fisiologia repousem e o sistema nervoso inicie um processo de restauração e de reequilíbrio mental e físico, que proporciona um funcionamento ideal. Sendo assim, ela melhora a saúde, confere maior clareza, calma, criatividade e capacidade de foco. O praticante pode atingir um estado de relaxamento duas vezes mais intenso que o período de sono mais profundo, conhecido como R.E.M. (Rapid Eye Movement), tornando a mente mais tranquila e alerta. A meditação é recomendada para qualquer indivíduo e não há contraindicação, já que não existem efeitos colaterais.

Os resultados aparecem logo nas primeiras semanas. “Inicialmente, há uma redução da ansiedade e aumento da capacidade de concentração. Em seguida, há mudanças psíquicas e físicas e os mais frequentes estudos mostram melhora de quadros de hipertensão arterial e de dor crônica. Além disso, a meditação é uma ótima opção terapêutica”, explica Roberto Cardoso, autor do livro “Medicina e meditação – um médico ensina a meditar”.

Além dos diversos benefícios à saúde, a meditação constante proporciona uma melhora no ambiente profissional. Pesquisas relataram que os profissionais que meditavam demonstravam menos ansiedade e tensão, consumiam menos cigarros e bebidas alcoólicas, apresentavam melhor desempenho profissional e estavam satisfeitos com o trabalho e as relações pessoais. Uma dica importante é frequentar grupos e conhecer as técnicas mais adequadas ao seu estilo e se dispor a praticar diariamente. Experimente, pode ser uma prática que te ajude bastante. O importante é dar o primeiro passo.

Principais benefícios para a saúde:

# Redução do estresse e ansiedade

# Aumento de satisfação e melhor desempenho no ambiente de trabalho

# Diminuição da insônia e depressão

# Aumento de bem-estar e autoestima

# Estímulo da criatividade, inteligência e memória

# Fortalecimento do sistema nervoso e imunológico

# Redução da pressão arterial e de dores de cabeça

# Diminuição do consumo do tabaco, do álcool e de drogas ilícitas

 

Fonte: Jornal Bem Estar

X