Bem-estar

19/08/2015 15h46

Recordar é reviver!

5 Dicas para você melhorar a sua memória

Por Nosso Bem Estar

Arquivo Nosso Bem Estar
Memoria 2   learning

Como está a sua memória? Você esquece nomes, compromissos e datas especiais com frequência? Saiba que isso é algo muito comum.

Como está a sua memória? Você esquece nomes, compromissos e datas especiais com frequência? Saiba que isso é algo muito comum e que o segredo para deixar de ter estes pequenos esquecimentos é mais simples do que você imagina. Fazer rabiscos em um papel durante uma reunião, por exemplo, é uma forma simples de fixar melhor as informações discutidas. Quem afirma isso é a pesquisadora Sunni Brown, autora do livro The doodle revolution, em que explica quais são os benefícios dos rabiscos e como aprimorar a atividade para que ela se torne mais eficiente no fortalecimento da memória. Quer saber outras dicas para melhorar sua capacidade de reter informações?Acompanhe os próximos tópicos!

5 práticas que fortalecem a sua memória

1. Dormir bem

Quem tem boas noites de sono tem maior facilidade para lembrar das coisas. Isso acontece porque é durante este descanso que o sistema nervoso central se regenera e que o cérebro fixa as novas informações adquiridas durante o dia. Por isso, para melhorar sua memória, a primeira dica é dormir um número suficiente de horas por noite, que pode variar de uma pessoa para outra. Para alguns, o tempo necessário para o corpo e a mente se recuperarem é de sete horas, para outros pode ser necessário um pouco menos ou mais de tempo. O importante é que, ao acordar, você sinta que o seu corpo e a sua mente estejam descansados. Para isso, aumente a qualidade do seu descanso: mantenha uma rotina com hora certa para ir para a cama, dispense bebidas estimulantes na parte da noite (como o café e o refrigerante) e faça do seu quarto um espaço tranquilo e relaxante, o local ideal para longas horas de sono.   

2. Manter uma dieta saudável

Cuidar da alimentação é uma das atitudes mais eficientes para manter a boa saúde! Além disso, escolher com cuidado os alimentos consumidos ajuda a fortalecer a sua memória. Um exemplo são as bebidas ricas em cafeína, que ajudam a manter a mente alerta. O café é uma boa opção, mas o chá-verde é melhor ainda, pois não deixa seu corpo agitado. Mas atenção: evite consumir estas bebidas depois das 17 horas, para não prejudicar seu sono. Outro alimento amigo da memória é o peixe. Por ser uma fonte de proteína rica em ômega 3, substância que acelera as trocas de informações entre as células cerebrais, ele ajuda a melhorar a capacidade de aprendizado. Os alimentos ricos em fisetina, como o morango e o tomate, também proporcionam um aumento da capacidade de memorização. Já os alimentos ricos em gordura trans devem ser retirados do prato: um estudo feito por pesquisadores da Escola de Medicina da Universidade de San Diego, nos Estados Unidos, apontou que esta substância está relacionada à redução da memória.   

3. Exercitar o cérebro

Não são somente os seus músculos que precisam ser exercitados! O cérebro também precisa ser estimulado para não ficar preguiçoso e perder potência nas suas funções, como a memória. Dedique um tempo do seu dia para fazer exercícios para a mente. Você pode baixar aplicativos de jogos com palavras-cruzadas no celular, comprar revistas de Sudoku, montar um quebra-cabeça ou jogar o tradicional jogo da memória. A ideia aqui é potencializar as funções cerebrais e fortalecer a memória. 

4. Escrever à mão

Isso mesmo: pegue um papel, uma caneta e comece a escrever para garantir uma boa memória. Um estudo feito pela Universidade de Stavanger, na Noruega, comprovou que escrever à mão ajuda a melhorar o processo de aprendizagem. Ao escrever em um papel, o cérebro recebe inúmeras respostas das funções motoras, que são diferentes das sensações proporcionadas pela digitação em um teclado. Além disso, quando você lê algo escrito à mão, diferentes partes do seu cérebro são ativadas e estimuladas. Crie o hábito de deixar bilhetes, escrever listas de compras e de anotar os principais acontecimentos do dia antes de dormir, para estimular sua memória.    

5. Manter uma vida ativa

Quanto mais ativo o seu cérebro é, melhor para sua memória. Para isso, procure aprofundar estudos em áreas do seu interesse, ler livros com frequência, praticar esportes que exijam concentração, assistir a filmes e recontar a história, fazer aulas de dança, participar de cursos e traçar objetivos e planos para alcançá-los.  

Estas são ações simples, podem ser facilmente incluídas no seu dia a dia e ainda por cima proporcionam prazer e saúde.

E você, como faz para exercitar a sua memória? Tem alguma outra dica? Conte pra gente pelos comentários.

X