Família

11/09/2018 09h30

Vou parar! E agora?

Vai se aposentar? Conheça nossas dicas para aproveitar o tempo livre!

Por Nosso Bem Estar

stockphotosecrets
Sec set 02h75301

A adaptação a nova fase da vida varia de acordo com a personalidade de cada um: há pessoas que se sentem confortáveis com a falta de rotina e com o tempo livre, outras não.

Quem trabalhou a vida toda, geralmente, não vê a hora de se aposentar e aproveitar os dias tranquilamente, certo? Nem sempre: muitas vezes, a falta de rotina e de metas para a vida pode deixar os aposentados tristes, ociosos e até levar à depressão.

Se você está se aproximando da aposentadoria, saiba que é importante planejar o tempo livre para evitar sintomas como esses e, assim, aproveitar melhor esse período. Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue a leitura e veja nossas dicas!

 

A importância de se preparar para a aposentadoria

Diante da correria do trabalho e de outros compromissos do dia a dia, muitas pessoas postergam o planejamento da aposentadoria, e acabam chegando a essa fase sem ter organizado a vida. O resultado é que quando elas, finalmente, conseguem se aposentar ficam perdidas sobre o que fazer com o tempo livre.

O excesso de tempo e a falta de propósitos na vida podem fazer com que o aposentado se sinta inútil. Além disso, ele pode ter a percepção de que não tem uma função específica para a sociedade, como é o caso da profissão, o que pode resultar em mau humor, irritação, solidão, tristeza ou depressão.

A adaptação a nova fase da vida varia de acordo com a personalidade de cada um: há pessoas que se sentem confortáveis com a falta de rotina e com o tempo livre, outras não. Alguns casais, inclusive, se separam por não conseguir se adaptar a essa mudança.

Dessa forma, além de se preocupar com o aspecto financeiro - investindo em uma previdência privada, por exemplo, com o objetivo de ter mais conforto e tranquilidade em relação ao dinheiro — também, é preciso planejar a aposentadoria e o que será feito no tempo livre.

A dica é que esse processo comece com alguns anos de antecedência, assim, você tem a chance de organizar as finanças e pensar no que deseja fazer com o tempo ócios. Como, por exemplo, investir em um hobby, viagens, cursos e outras tarefas que tragam prazer. Você pode, até mesmo, abrir um negócio alinhado com seus interesses.

O planejamento para a aposentadoria deve englobar questões financeiras para evitar que você inicie esse período com dívidas e consiga investir em atividades de lazer e projetos pessoais. Além disso, é necessário manter os cuidados com a saúde, ter um bom plano de saúde, passar por uma adaptação da casa para quem tem problemas de mobilidade, iniciar uma terapia, entre outros.

 

O que fazer no tempo livre?

Muitas atividades podem ser realizadas para ocupar o tempo livre. Estes exercícios vão desde tarefas simples para fazer em casa ou pelo bairro, até viagens e cursos. Sendo assim, é possível estabelecer uma rotina de atividades, mesmo se você estiver com o orçamento limitado. Veja algumas dicas:

1 - Atividades físicas

Os exercícios físicos são ótimos para ocupar parte do dia. Além de manter o corpo e a saúde em ordem, aumentam a sensação de bem-estar, melhoram o humor, entre outros benefícios. Converse com seu médico e veja quais atividades você pode realizar.

Caminhadas pelo parque ou pelas ruas do bairro, yoga, exercícios de alongamento, hidroginástica e aulas de dança são algumas das opções.

Além de fortalecer o corpo e prevenir sintomas relacionados ao envelhecimento, as atividades em grupo também são positivas para a socialização. Instituições comunitárias no bairro ou o Sesc, por exemplo, geralmente organizam atividades voltadas para a terceira idade.

2 - Trabalho voluntário

Os aposentados podem aproveitar o tempo livre para participar mais ativamente da comunidade e atuar como voluntário em instituições sociais. As tarefas com o trabalho voluntário são diversas e você pode contribuir com o conhecimento que possui ou, ainda, aprender novas habilidades.

O voluntariado ocupa parte do tempo e ainda permite a dedicação a outras atividades de lazer e ao relacionamento com a família. A aposentadoria pode gerar sentimento de solidão, por isso, é fundamental buscar atividades que proporcionem a socialização, além, é claro, de se manter perto de familiares e amigos.

3 - Atividades manuais

Artes plásticas, bordado, tricô, artesanato, entre outras atividades manuais, também, são excelentes opções para praticar e aprimorar durante a aposentadoria. Além disso, essas atividades melhoram a coordenação motora e minimizam o estresse.

4 - Cursos

Se você sempre quis aprender algo novo, mas nunca teve tempo, a aposentadoria é o momento ideal. Sendo assim, analise o que gostaria de fazer ou estudar e procure instituições que oferecem esses cursos. Você pode aprender um novo idioma, jardinagem, técnicas de confeitaria, fotografia, tecnologia para acompanhar as novas tendências de computadores e smartphones, entre outros.

Quem vai se aposentar precisa se preparar para esse período para que ele não se torne prejudicial à saúde. Esperamos que essas dicas o ajudem! Até a próxima.

 

 

X