Beleza

31/01/2018 20h00

Cuidados com os pés. Eles merecem!

Estar com os pés bonitos e bem cuidados é essencial. Para isso, é necessário dar uma atenção especial a eles.

Por Nosso Bem Estar

Candis | Consulta Click | Globo
M33

Nossos pés desempenham funções importantes.

Nossos pés desempenham uma função muito importante: ser a base de sustentação do nosso corpo e o meio de locomoção. Na maioria das vezes, não damos a devida atenção a esse fato e eles acabam envelhecendo antes do tempo.

Os pés sofrem o ano inteiro e estão mais suscetíveis às mudanças climáticas do que qualquer outra parte do nosso corpo. Durante o inverno, eles ressecam por causa do banho quente e tempo frio. Já no verão, eles ficam mais expostos e podem rachar.

O resultado do descuido com os pés pode ser visto e sentido pelo aparecimento de ressecamento, pele grossa, descamação, mau cheiro, rachaduras ou sangramentos. Visando dar a atenção que os pés merecem, separamos alguns cuidados que devem ser seguidos à risca para manter os pés lisinhos e hidratados. Vamos lá?

Roupinha de pé

Se o dia a dia faz com que você precise usar muito o seu tênis, dê preferência às meias de algodão para proteger seus pés de fungos e bactérias que causem mau cheiro e micoses. O algodão absorve a umidade com mais facilidade, favorecendo a transpiração.

Evite calos

Substitua sapatos apertados ou justinhos por outros mais confortáveis. Prefira utilizar palmilhas de amortecimento. Protetores de silicone podem evitar calos, pois evitam o atrito constante que leva a esse tipo de problema.

Faça chuva ou faça sol

Seque e areje seus calçados por pelo menos duas horas em ambiente aberto e ventilado. A umidade é uma brecha perfeita para que os microorganismos façam a festa. Evite usar o mesmo par de calçados todos os dias. Dê uma folga.

Tempo molhado

Se você transpira muito nos pés, use um pó-pédico, antissépticos, creme para os pés ou desodorantes para este fim. A umidade favorece a proliferação de fungos, além do surgimento de micoses e mau cheiro.

Use meias de algodão para absorver a umidade e proteger os pés contra contaminações. Prefira sapatos fechados.

Lave bem os pés

Além de ser higiênico, é benéfico. Esfregue bem os pés durante o banho e atente para as unhas, claro. Faça questão de lavar e esfregar dedo por dedo. Depois do banho, seque muito bem os pés para evitar início de micoses.

Pés também podem ser hidratados

Temos o hábito de hidratar cabelos, mas esquecemos dos pés. Eles também precisam de hidratação. Esta prática evita rachaduras e deixa os pés mais macios e sedosos.

A hidratação precisa ser diária e logo após o banho. Quando for escolher um hidratante, prefira fórmulas com adição de glicerina, ureia e manteiga de karité, que são emolientes. Se seu objetivo é renovar as células, prefira ácidos glicólico e salicílico.

Esfoliação da pele nos pés

A esfoliação de pele nos pés pode ser feita de 15 em 15 dias ou de 8 em 8. Basta utilizar produtos específicos ou óleo de amêndoas e açúcar, que ajudam a remover as células mortas e renovar a pele dos pés, dando um aspecto lisinho.

Você também pode esfoliar após banho e apelar para uma hidratação na região de sola e calcanhar.

Cuidado com o lixamento excessivo dos pés, pois pode provocar rachaduras dolorosas e servir de entrada para fungos e bactérias.

Amolecendo a pele dos pés

Em alguns casos, a crosta não deixa o trabalho tão fácil. Deixe seus pés de molho em água morna com vinagre – numa proporção de 1 litro de água para meio copo de vinagre – por 10 minutos. Depois, massageie seus pés com óleo de amêndoas ou um creme hidratante.

Relaxe os pés

Se teve um dia longo, coloque os pés em cima de um bom travesseiro e deite-se. Relaxar vai te ajudar a desinchar. Se achar necessário, escalde os pés. Você vai precisar de uma pequena bacia, água morna, sal grosso e ervas aromáticas. Fique de molho de 15 a 20 minutos.

Automassagem pode ser um mimo que vale a pena praticar. Com um creme hidratante, massageie a sola, planta dos pés e calcanhares com movimentos circulares, deslizantes e com pouca pressão, podendo estender até o tornozelo.

E, claro, idas frequentes a podóloga e sessões de massagem reflexológica nos pés são muito recomendadas também.

 
X