Crescimento pessoal

26/07/2017 06h30

A música é tudo!

Saiba como a musicoterapia pode ser benéfica para o seu bem-estar, conheça seu incrível potencial terapêutico.

Por Nosso Bem Estar

Wikimedia
M22

Música... benefícios muito além de apenas relaxar e curtir

Todo mundo sabe que ouvir música é uma maravilhosa atividade. Faz bem para a alma, relaxa a mente e funciona como um ótimo passatempo. Mas os benefícios vão além. Hoje, a música é vista como uma terapia, inclusive está disponível entre os tratamentos do SUS. Conheça mais sobre a musicoterapia.

A terapia da música

Para relaxar, curtir, se alegrar e se sentir bem, a música sempre foi uma excelente pedida. Ela faz bem para a alma, mas também para o corpo, tratando doenças. Por este motivo, até o Sistema Único de Saúde incluiu a terapia em seus procedimentos.

Estudos comprovam

O tratamento de doenças pela música tem sido comprovado por diversas pesquisas e estudos. Um bastante interessante e o publicado pela Universidade da Rainha de Belfast, em parceria com um instituto musical da Irlanda. Nele foram observados 250 jovens com problemas de comportamento e desenvolvimento emocional, divididos em dois grupos de 125. Um deles foi tratado com terapia tradicional, enquanto o outro recebeu musicoterapia. No final, a equipe da música aumentou sua autoestima e reduziu os sintomas de depressão, além de melhorar significativamente suas habilidades de comunicação e interação.

Por que os resultados?

Porque a música causa alterações em nosso organismo: pode acalmar ou acelerar a respiração; aumentar ou diminuir a pressão sanguínea; tornar os batimentos cardíacos mais fortes ou mais suaves.

Além disso, ela interfere diretamente no sistema límbico, responsável pelas nossas emoções, afetividade e motivação. Isso pode melhorar nossa socialização e a produção de endorfina, colaborando no tratamento de depressão, estresse, ansiedade, hipertensão, câncer e dores crônicas.

Terapia de sucesso

Por todos esses motivos, a musicoterapia é um método aplicado em diversos hospitais e clínicas de todo o mundo. No Brasil, já é utilizada na APAE, nos centros de reabilitação, nos órgãos de assistência social, no atendimento psiquiátrico, nas clínicas neurológicas, em organizações não governamentais e em escolas especiais.

Para prevenção de doenças e cuidado da mente, a terapia da música é comum em empresas, spas, escolas e centros de idosos.

Como funciona o tratamento?

A musicoterapia utiliza música, sons e movimentos com finalidades terapêuticas. Muitas vezes, é o próprio paciente quem escolhe o que deseja ouvir, em conjunto com o profissional de saúde, de acordo com seus objetivos e necessidades.

Essa escolha permite que haja maior interação com as emoções, incluindo a aproximação com os outros, se a terapia acontecer em grupo. Para o paciente, a música é repleta de significado e isso é importante para a sua reabilitação. O efeito só é obtido se houver conexão com quem a ouve.

Por esse motivo, de um modo geral, qualquer música serve para o tratamento. Não existe gênero ou ritmo ideal, desde que o paciente goste de ouvir aquela canção e a escolha em seu repertório pessoal. O que importa é entrar em sintonia.

Quando as canções são escolhidas, o paciente é levado para uma sala especial, com acústica adequada. Cada sessão inclui música e recursos sonoros, como instrumentos, ruídos e vozes.

Então o terapeuta avaliará a reação da pessoa ao som, relatando as experiências em um documento, comparando posteriormente com os resultados já conhecidos.

Posso fazer terapia em casa?

É claro que você pode ouvir música sempre que desejar, mas a musicoterapia deve ser feita com acompanhamento profissional. Um musicoterapeuta saberá como conduzir a terapia, diferenciando-a de uma recreação com música. Ele é o profissional indicado, pois foi capacitado com teoria e prática voltadas para esse trabalho.

Onde encontrar um terapeuta?

Você poderá encontrar musicoterapeutas no site da União Brasileira de Associações de Musicoterapia (UBAM) ou então nas unidades de saúde da sua região.  

Faça a sua seleção

Música é excelente para o corpo e para a mente, isso você já sabe. Então, é hora de preparar a sua seleção, mesmo que não seja para fins terapêuticos. Afinal, ela proporciona excelentes momentos de lazer e relaxamento, quando ouvimos canções que fazem ou fizeram parte de nossa vida, marcando datas especiais.

Ouvir música é excelente em qualquer lugar, seja em casa, no escritório, na pausa do trabalho, para se locomover, etc., restaurando nossa calma e bem-estar. Ouça e comprove!

Referência do estudo:

http://razoesparaacreditar.com/sustentabilidade/estudos-comprovam-que-musicoterapia-alivia-a-depressao-em-criancas-e-adolescentes/

X