Bem-estar

31/05/2017 06h15

O segundo cérebro

Você sabia que o intestino está totalmente ligado ao seu bem-estar, por interferir nas nossas emoções?

Por Nosso Bem Estar

Depositphotos
M11 2

Ligação direta com o cérebro

O intestino é um órgão inteligente e está tão ligado às emoções e ao bem-estar ao ponto de ser até mesmo chamado de "o segundo cérebro". Ele possui uma complexa rede nervosa e neural que se comunica diretamente com o cérebro, ou seja, ambos os órgãos trabalham juntos em prol da nossa qualidade de vida. É o segundo maior sistema nervoso do nosso corpo com mais de 100 milhões de neurônios.

Quem nunca sentiu um "nó no estômago", um "frio na barriga" ou uma sensação de "borboletas no estômago" quando está angustiado, estressado ou ansioso? Pois é, o bem-estar de que precisamos também está no intestino.

Para se ter uma ideia da sua importância, cerca de 80% da serotonina (aquele hormônio que regula a sensação de bem-estar no organismo e que a sua falta pode causar depressão e outras doenças) produzida em nosso corpo tem origem nele - muito mais do que no cérebro!

Muito além do cérebro

O intestino não se comunica apenas com o cérebro: é um órgão autônomo, executa funções independentemente de estar conectado ao sistema nervoso central. É ele que seleciona, entre o que comemos, o que é útil para nossa nutrição e o que deve ser eliminado por meio das fezes.

É responsável por manter a nossa saúde: 80% do potencial de imunidade do corpo humano está no intestino, que, também, é um grande produtor de hormônio de crescimento, um aliado do combate aos sintomas do envelhecimento.

Por que o intestino tem tanto a ver com o nosso bem-estar?

  • Ele se comunica com o nosso cérebro e vice-versa;
  • Em situações de estresse e ansiedade é possível sofrer alterações intestinais como dores de barriga, diarreia ou constipação;
  • Contém células capazes de identificar o sabor dos alimentos;
  • O intestino tem, ainda, função neurológica, endócrina e imunológica e se comunica com inúmeros órgãos;
  • Ajuda a manter a quantidade de sangue que circula em nosso corpo por meio da alimentação.

 

Como manter o intestino saudável

É comum uma pessoa apresentar problemas intestinais e isso interferir na sua qualidade de vida: duas em cada três brasileiras, por exemplo, relatam ter problemas com o órgão (as mulheres são as mais afetadas). Quem já teve prisão de ventre sabe o quanto isso afeta o humor, só para citar um dos incômodos. Mas dizer que o intestino é "preguiçoso" é um erro. O problema pode estar além do órgão, já que as funções do nosso corpo estão interligadas, e o intestino se comunica com várias partes dele.

A maioria dos problemas tem ligação com a má alimentação, sedentarismo, cansaço, longos períodos sentado e estresse.

Veja algumas dicas para manter o seu intestino sempre saudável:

  • Tenha uma alimentação variada, contendo diferentes fontes de nutrientes (carboidratos, proteínas e gorduras boas);
  • Ingira bastante água e líquidos saudáveis;
  • Não deixe de ir ao banheiro quando sentir vontade;
  • Inclua fibras no cardápio;
  • Evite alimentos industrializados, embutidos e conservas que irritam a mucosa intestinal;
  • Pratique atividade física regularmente, ela ajuda na movimentação intestinal;
  • Não use laxantes indiscriminadamente e sem orientação médica;
  • Faça atividades que beneficiem a mente;
  • Evite se estressar;
  • Faça uso de probióticos com recomendação médica.


Você imaginava que a saúde do intestino pudesse ser tão importante para o seu bem-estar? Comente abaixo!

X